16 de agosto

GDF - Administrações Regionais
9/03/22 às 8h07 - Atualizado em 9/03/22 às 15h17

Talk Show para o mês da Mulher

COMPARTILHAR

Na inauguração da primeira Loja Vitrine da Casa da Mulher Brasileira no JK Shopping é possível conhecer os serviços prestados e conhecer melhor os programas da Secretaria da Mulher voltados para a autonomia econômica e para o enfrentamento à violência contra a mulher.

No local, estarão presentes servidores preparados para oferecerem orientações quanto ao atendimento realizado pelos equipamentos/ unidades da Secretaria de Estado da Mulher do Distrito Federal. Serão realizados encaminhamentos para os serviços especializados, acolhimento, triagem, apoio psicossocial e atendimento jurídico em violência contra a mulher. Ainda como parte da programação, será realizado o Talk Show "Viva Mulher", onde todas as quartas-feiras do mês de Março, das 19 ás 21h, na Praça Central do JK Shopping, será realizado debate acerca de temas relevantes para população.

TALK SHOW – Data: 16/03/2022 – TEMA: Violência Contra Mulheres e Meninas Convidadas: · Secretária de Estado da Mulher – Ericka Filippelli · Juíza do TJDFT – Dra. Luciana Lopes Rocha (Juizado de Violência Doméstica) · Patrícia Zapponi – Advogada especialista em direitos humanos, violência doméstica e intrafamiliar, crimes contra dignidade sexual e direito da família · Denise Azevedo – Gestora de Políticas Públicas de Gestão Governamental · Rosineide Sá – Coordenadora de Suporte Operacional da Subsecretaria de Prevenção à Criminalidade da Secretaria de Segurança Pública Na apresentação, a Secretária destacará o trabalho dos convidados e sua atuação em favor dos direitos das mulheres. Abordará também o tema rede de proteção às vítimas de violência. Em tempos de pandemia e isolamento social, os equipamentos da SMDF adequaram-se para atender as mulheres em situação de violência, oferecendo serviços de forma online. Acredita que é necessário debater esses assuntos de uma forma mais leve. Essa roda de conversa teve o propósito de trazer diferentes profissões para discutir uma questão que deve ser abraçada por todos. Espera que as pessoas deixem o local com a ideia de refletir e ajudar, procurando saber mais sobre o assunto, intervir em um caso de violência, ou apenas com uma palavra reconfortante. ü Drª. Luciana – Expõe como o trabalho de responsabilização, reeducação e reflexão com os autores de violência doméstica contribui para a diminuição da reincidência de casos. É uma das formas de combater a violência contra mulher.

 

Precisamos entender as diferenças de gênero. Os homens são fruto de uma sociedade machista. Eles acham que não precisam pedir e receber ajuda. Com os nossos servidores de excelência, podemos fazer com que eles reconheçam e se responsabilizem por essas ações. Dessa forma, transformando o número de reincidência a quase zero. ü Denise Azevedo – Discorre sobre a importância dos CEAMs com o objetivo de assegurar o fortalecimento da autoestima e autonomia de mulheres vítimas de violência e o resgate da cidadania, além da prevenção, interrupção e superação das situações de violações de direitos. Tipos de violência, que são física, psicológica, sexual, moral ou patrimonial; Direitos, responsabilidades e serviços, no sentindo de onde encontrar apoio, antes ou depois de sofrer uma violência; e por fim, Feminicídio: Maior expressão da violência contra mulher. ü Secretaria de Segurança Pública – Rosineide Sá – Coordenadora de Suporte Operacional da Subsecretaria de Prevenção à Criminalidade – As iniciativas e ações que fazem parte do programa Mulher Mais Segura. O enfrentamento da violência doméstica é uma pauta prioritária para a Segurança Pública e para todo o Governo do Distrito Federal. Implementação de novos meios de proteção e do fortalecimento de ações e medidas já utilizadas. O funcionamento da Diretoria de Monitoramento de Pessoas protegidas integrado ao CEAM IV. ü Drª Patrícia – A atuação nos casos de Violência Doméstica e Familiar

 3) TALK SHOW – Data: 23/03/2022 – TEMA: Empreendedorismo e Liderança Feminina Convidadas: Secretária de Estado da Mulher – Ericka Filippelli Presidente da Câmara de Mulheres Empreendedoras do DF – Beatriz Guimarães Bia Proprietária Pastelaria Viçosa – Patrícia Calmon Proprietária Grupo SABIN – Janete Vaz Na apresentação, a Secretária destacará o trabalho dos três convidados e sua atuação em favor do empreendedorismo e liderança feminina. Abordará também o tema do empreendedorismo feminino, destacando o reconhecimento do mercado das iniciativas de negócios liderados por mulheres, enfatizando a importância da liderança feminina nessas iniciativas. Além disso, apontará a relevância da autonomia econômica das mulheres como uma das formas de minimizar a violência de gênero. Representante da Fecomércio (Câmara de Mulheres Empreendedoras do DF) – Beatriz Guimarães – Discorrerá sobre as características das mulheres empreendedoras, os desafios de empreender no DF, a visão da Câmara de Mulheres Empreendedoras do Distrito Federal, no que se refere ao empreendedorismo feminino e liderança feminina. Empreendedora Local – Pastelaria Viçosa (Patrícia Calmon) ou a dona do Biscoito Mineiro – Falará sobre a sua experiência, dificuldades e desafios ao longo de sua trajetória como empreendedora. Que conselhos daria às mulheres que pretendem empreender no DF. Grupo Sabin – A experiência de administrar uma empresa de grande porte e manter a responsabilidade da maternidade. As Dificuldades enfrentadas.

 

4) TALK SHOW – Data: 30/03/2022 – TEMA: A Saúde da mulher Convidadas: · Secretária de Estado da Mulher – Ericka Filippelli   · Superintendência da Região de Saúde Oeste – Lucilene Maria Florêncio de Queiroz · Fundo de População das Nações Unidas – UNFPA – Junia Quiroga · Representante do CEPAV – Pav Girassol Paranoá Na apresentação, a Secretária destacará o trabalho dos três convidados e sua atuação em favor da saúde física e mental das mulheres. Enfatizará o compromisso com políticas que contribuam para garantia dos direitos humanos das mulheres e para integridade e promoção da saúde com enfoque de gênero. Abordará também a busca para consolidar a implementação de políticas que tratam da prevenção e tratamento de mulheres e seus direitos sexuais e reprodutivos. Representante do CEPAV – Pav Girassol Paranoá Falará sobre como o Centro de Especialidade para Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual, Familiar e Doméstica (CEPAV) funciona, com destaque na atuação do Cepav Paranoá no DF e o prêmio recebido em 2019 pelo Fundo de População das Nações Unidas – “Chega Mais – Selo de Qualidade de Serviços para Adolescente”.  Ademais, levantará quais os serviços prestados à população e quando buscar apoio no Cepav.

Mapa do site Dúvidas frequentes