06 de fevereiro

GDF - Administrações Regionais
7/12/22 às 12h14 - Atualizado em 7/12/22 às 12h14

Controladoria do DF lança plataforma que incentiva participação das pessoas no Governo

COMPARTILHAR

A Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) lança, nesta quarta-feira (7/12), às 10h, no Salão Branco do Palácio do Buriti, uma nova plataforma para participação da população do DF. A partir de agora o Participa DF (www.participa.df.gov.br) vai abrigar os sistemas OUV-DF, de demandas de ouvidoria do Governo do Distrito Federal (GDF), e o e-SIC, de pedidos de acesso à informação (LAI), em um só lugar. Além disso, a ferramenta traz uma nova facilidade para o cidadão: a robô IZA, que ajudará na hora de fazer o registro de ouvidoria.

O Participa DF segue a tendência de unificação de ferramentas do Governo Federal, ao mesmo tempo em que traz para o cidadão um atendimento de Inteligência Artificial, que agiliza todo o processo de registro. Todas essas inovações foram realizadas sem custos extras para o GDF. A Controladoria-Geral do Distrito Federal utilizou os recursos disponíveis e a expertise dos servidores lotados na própria Controladoria para realizar o projeto.

Segundo o controlador-geral do DF, Daniel Lima, a ferramenta foi construída para facilitar o acesso da população, trazendo o que tem de mais moderno com a unificação de logins desses dois sistemas que, até então, eram separados. “O nome Participa DF foi pensado para ser um chamado para que a população participe ativamente do Governo do Distrito Federal. Nós trabalhamos nesse projeto por dois anos para facilitar o acesso do cidadão, dar a ele o melhor em tecnologia e inclusão e incentivá-lo a participar mais do GDF, seja solicitando serviços e informações, seja cobrando providências ou elogiando aquilo que o Governo tem feito de melhor”, ressalta o controlador-geral.

A partir do dia 7 de dezembro, ao entrar nos antigos endereços ouv.df.org.br ou e-sic.df.gov.br, o usuário será orientado a acessar o Participa DF (www.participa.df.gov.br). Não haverá mudanças nos atendimentos presenciais para demandas de ouvidoria ou de pedidos de acesso à informação, nem nos atendimentos pela Central 162, que continuam a ocorrer de segunda a sexta-feira, das 7h às 21h, e nos fins de semana e feriados, das 8h às 18h.

A migração de dados vai ocorrer a partir das 22h, do dia 6 de dezembro, período em que os dois sistemas vão ficar suspensos.

O que muda

Até então, para abrir uma demanda de ouvidoria ou para fazer um pedido de acesso à informação (regido pela Lei de Acesso à Informação – LAI), o interessado precisava entrar em dois sites diferentes e realizar dois cadastros distintos. Agora, acessando o Participa DF, o cidadão vai visualizar os dois sistemas – OUV-DF e e-SIC – em uma única página, e optar por um deles.

Para acessar, basta apenas uma senha e um login, que também foram unificados para os dois sistemas, o que facilita ainda mais o acesso. “Essa é uma unificação de ferramentas de controle social que garantem a participação do cidadão ativamente no Governo. O GDF tem total interesse nessa participação. É o cidadão que sabe quais são suas necessidades e que está, no dia a dia, convivendo com aquilo que é bom ou ruim. Ou mesmo só ele sabe que informações necessita, além das já disponíveis. Facilitar essa participação é investir na melhoria do Distrito Federal”, destaca o controlador-geral do DF, Daniel Lima.

Para isso, a partir de 7 de dezembro, os cadastros de quem utilizava o OUV-DF serão atualizados e o usuário terá de definir uma nova senha. Já quem usava o e-SIC terá de cadastrar um novo login, utilizando o CPF, e uma nova senha. A partir de agora, esse login com CPF e a nova senha vão valer tanto para o OUV-DF quanto para o e-SIC. O cadastro também será atualizado para atender à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), promovendo a proteção das informações pessoais dos cidadãos.

O Participa DF traz ainda uma grande novidade: a IZA, robô de inteligência artificial lançada pela CGDF em maio de 2021 e que estava sendo treinada durante esse tempo, junto aos ouvidores, para facilitar o atendimento na hora em que o cidadão faz o registro de uma demanda de ouvidoria. A partir de agora, ela vai agir no sistema OUV-DF classificando automaticamente a demanda como reclamação, denúncia, sugestão, solicitação, informação ou elogio e ainda vai sugerir o assunto, interpretando o que o usuário escreveu no relato.

Já no e-SIC, a inovação é que, agora, o pedido pode ser enviado para mais de um órgão ao mesmo tempo. Além disso, o pedido de recurso também foi automatizado. Dessa forma, se o órgão de interesse não responde à demanda dentro do prazo previsto em lei, o recurso entra automaticamente sem que o cidadão necessite fazer esse acionamento.

O Participa DF traz ainda um novo formato, mais harmônico e amigável, para o OUV-DF e para o e-SIC. Com isso, a navegabilidade fica mais simples, a linguagem é acessível a todos e o atendimento é interativo e autoinstrutivo.

Fonte: Ascom/CGDF

 

Mapa do site Dúvidas frequentes